João Monteiro também vence e marca final 100% portuguesa com Fred Gil

Depois de Fred Gil, também João Monteiro logrou triunfar este sábado e assegurou assim que, à semelhança do sucedido no Palmela Open, haverá um campeão português na variante individual do I Future de Idanha-a-Nova 2018.

No seu duelo das meias-finais, o tenista portuense de 24 anos de idade, que é o primeiro favorito em Idanha-a-Nova fruto do 375.º posto que ocupa no ranking, bateu o oitavo pré-designado, o suíço Raphael Baltensperger, carrasco de Tiago Cação e atual número 840 mundial, por 6-4 e 6-4, numa reedição da final do ano passado ganha pelo antigo campeão nacional absoluto.

Agora, apurado para a sua segunda decisão individual do ano, Monteiro terá novamente pela frente Gil, segundo cabeça de série e 411.º ATP, numa reedição da final que ocorreu recentemente em Palmela e que coroou Fred Gil como campeão após ter salvo um match point nesse derradeiro embate.


Total
2
Shares
Total
2
Share