Nuno Borges com melhor ranking de sempre, Elias e Cação sobem vários lugares

Sara Falcão/FPT

No rescaldo do segundo Oeiras Open, as alterações no ranking no que diz respeito aos tenistas portugueses são notórias. O grande destaque da atualização desta segunda-feira vai para Nuno Borges, cujo vice-campeonato em Oeiras lhe valeu a subida a um novo máximo de carreira.

O tenista maiato de 24 anos subiu 46 lugares no ranking mundial e é agora o 332.º classificado, estando mais perto do top 300. Quem também está à porta do top 300 é Gastão Elias, cuja presença nas meias-finais lhe valeu a subida de 15 posições. O tenista natural da Lourinhã é agora o 308.º colocado na hierarquia mundial. Outro semifinalista em Oeiras, Gonçalo Oliveira subiu oito lugares e apropriou-se da 288.ª posição.

As subidas, no entanto, não ficam por aqui. Tiago Cação, que caiu nos quartos de final do Oeiras Open, registou uma subida de 27 lugares – a segunda maior subida da semana – e é agora o 524.º classificado. Ainda numa toada de subidas, Luís Faria subiu 12 posições e instalou-se no 804.º posto.

Mais acima no ranking, João Sousa recuperou um lugar e está no 106.º posto. Subidas de uma posição foram também registadas por Pedro Sousa e Frederico Silva, que são agora o 112.º e o 173.º, respetivamente.


Total
40
Shares
Total
40
Share