Tiago Cação na segunda ronda em Idanha-a-Nova; Daniel Rodrigues e Pedro Araújo eliminados

Sara Falcão/FPT

Três portugueses em court, apenas um vencedor. Assim se faz o balanço da jornada desta quarta-feira em Idanha-a-Nova para as cores nacionais, com Tiago Cação a estrear-se da melhor forma e a garantir o apuramento para a segunda ronda. Daniel Rodrigues e Pedro Araújo, por outro lado, foram afastados da prova.

Sexto cabeça de série, Cação não teve problemas para superar o norte-americano Dhruva Mulye em 59 minutos, com os parciais de 6-2 e 6-2. O número 529 mundial vai agora medir forças na segunda eliminatória com mais um norte-americano, no caso Alafia Ayeni (947.º ATP).

Antes de Cação triunfar, Daniel Rodrigues também podia estar a caminho de garantir o apuramento para a próxima eliminatória. O tenista luso tinha triunfado na primeira partida diante de Roy Smith (544.º), oitavo cabeça de série, mas teve de se retirar a meio do segundo parcial. Rodrigues tinha ganho o primeiro set por 6-4 e perdia por 1-4 na segunda partida quando a desistência ocorreu. Quanto a Pedro Araújo, o tenista de 19 anos cedeu para o qualifier Clement Chidekh (827.º) por 6-2, 4-6 e 6-2.

Concluída a primeira ronda do quadro principal em Idanha-a-Nova, sobram apenas dois portugueses em competição nos singulares: Tiago Cação e Luís Faria, que tinha triunfado na jornada de terça-feira.


Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
2
Share