João Sousa deixa escapar vantagem e é afastado na estreia em Tóquio

O português João Sousa está fora dos Jogos Olímpicos de Tóquio. O vimaranense apresentou algum do melhor ténis da temporada, mas ainda assim foi derrotado em três sets pelo checo Tomás Machac (145.º ATP), com os parciais de 6-7[5], 6-4 e 6-4.

O vimaranense apresentou-se em Tóquio com muita confiança e isso notou-se desde cedo nas pancadas que desferiu em court. Sousa comandou com a direita nos jogos de serviço em praticamente todo o parcial, mas ainda assim desperdiçou por duas vezes um break de vantagem. Contudo, o tenista luso arrancou a vitória na primeira partida no tiebreak.

No segundo set, João Sousa manteve um bom nível, mas teve um jogo de serviço menos conseguido logo a abrir o parcial e Machac aguentou essa vantagem até empatar o marcador. O checo serviu sempre muito bem nos momentos de alta pressão e não deu espaço para que o português conseguisse recuperar a desvantagem.

O terceiro parcial começou bem para João Sousa, que conseguiu colocar alguma pressão no serviço de Machac com pontos bem construídos. Ainda assim, o adversário continuou a puxar dos melhores serviços para sair das situações mais complicadas e aproveitou uma janela de oportunidade para quebrar o serviço ao vimaranense no quinto jogo, break esse que foi confirmado logo de seguida com um jogo em branco.

Até ao final, os ânimos aqueceram entre ambos, com uma troca de palavras menos bonita e um “míssil” de Machac a apontar ao corpo de Sousa, mas no marcador a diferença manteve-se e o checo segue para a segunda ronda do torneio olímpico, onde vai medir forças com o argentino Diego Schwartzman.


Total
14
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
14
Share