Morais, Marujo e Deleu avançam para os ‘quartos’ masculinos em Leiria; Maria Garcia segue em frente no feminino

Beatriz Ruivo/FPT

Os portugueses Diogo Morais (na foto), Martim Marujo Rodrigo Deleu foram os tenistas da casa a triunfar na jornada desta quarta-feira do XXVI Internacional Júnior de Leiria. No feminino, Maria Garcia foi a única portuguesa a vencer e apurou-se para os quartos de final, a mesma fase para a qual estão apurados os três jovens que competem no quadro masculino.

Martim Marujo, de 18 anos, voltou a desafiar as probabilidades e a vencer um tenista melhor cotado no ranking mundial de juniores. O português, que é 2310.º classificado na hierarquia e recebeu um convite para o quadro principal, bateu o britânico Roy Keegan, que apesar de ser três anos mais novo ocupa o 511.º lugar no ranking e defendia o estatuto de quarto cabeça de série. O tenista português venceu por 6-4 e 6-2 e poderá cruzar-se com o compatriota Tiago Boschmans nos quartos de final, caso este consiga superar o lituano Julius Augunas.

Quem também só precisou de dois sets para chegar ao triunfo foi Diogo Morais. O quinto cabeça de série da prova, fruto do 565.º lugar no ranking mundial, superou o britânico Phoenix Weir (940.º) por 6-2 e 6-3 e vai medir forças com o espanhol Tomás Quesada Pérez, terceiro pré-designado e 469.º classificado na hierarquia, que bateu o português Filipe Krohn da Silva por 5-7, 7-5 e 6-4. Ainda no quadro masculino, Rodrigo Deleu confirmou o teórico favoritismo diante do compatriota Gonçalo Marques e apurou-se para os quartos de final com os parciais de 6-3, 4-6 e 6-3. Deleu aguarda agora pelo vencedor do confronto entre Pedro Libório, o primeiro cabeça de série, e Jinpeng Tang.

No quadro feminino, Maria Garcia foi a única tenista da casa a vencer e a apurar-se para os quartos de final esta quarta-feira. A atleta lusa superou a iraniana Sana Garakani (que reside em Portugal há alguns anos), oitava cabeça de série, por 6-3 e 6-4 e aguarda pela vencedora do embate entre a espanhola Eva Álvarez Sandé e a francesa Jade Psonka, segunda melhor cotada. Ainda esta quarta-feira, Lena Couto e Matilde Morais também foram a jogo nos singulares, mas ambas cederam. Couto foi travada pela búlgara Yoana Dudova por 6-3 e 6-4, ao passo que Morais — quinta cabeça de série — caiu perante a canadiana Scarlett Nicholson por 6-3 e 6-3.

Nos pares masculinos, João Gonçalves e Martim Marujo apuraram-se para os quartos de final com um triunfo por 6-3, 3-6 e 10-7 sobre Tiago Boschmans e Gonçalo Marques. Pelo mesmo caminho foram Daniel Marincas Duarte Mestre — venceram Kyle Hughes e Phoenix Weir por 6-4 e 6-4 –, Diogo Morais e Henrique Petiz — bateram José FreitasJoão Portugal por 6-4 e 6-4 –, Rodrigo Deleu e Pedro Libório — superaram Tom Sorin Amit Weizman por 6-0 e 6-0 — e Filipe Krohn da Silva e Nuno Pinheiro, que derrotaram Iván Pérez Martín e Tomás Quesada Pérez por 6-0 e 6-3. Pelo caminho ficou o par luso composto por André Amaro Duarte Correia, que cederam por 6-2 e 6-2 para Roy Keegan e Sasha Rozin. Depois, Luís Miguel Saraiva, que faz dupla com o brasileiro Victor Milare Alves, também foi derrotado (6-4 e 6-4 frente a Louis BowdenMaximillian Relic), assim como Vicente Preto, que faz dupla com Jinpeng Tang (cederam por 6-4 e 6-4 para Markus Giersiepen García Mario Martínez Serrano).

Já nos pares femininos, a dupla composta por Mafalda Guedes e Matilde Morais apurou-se para os quartos de final, ao derrotar Ana Moniz Pinto Milla Sequeira por 6-2 e 6-1. Sofia Pinto, ao lado da dinamarquesa Sara Borkop (reside em Portugal, tal como Garakani), também avançou para a próxima ronda com um triunfo por 6-1 e 6-3 sobre Hannah Hafez Elena Samuelsson. Ao lado de parceiras estrangeiras, Maria Santos — faz dupla com Yoana Dudova e bateu Beatriz Casaca Amália Suciu por 6-1 e 6-1 — e Beatriz Paciletti da Costa (bateu Constança AzinhagaGabriela Matos por 7-6[5] e 6-2, ao lado da canadiana Scarlett Nicholson) também seguem em frente na competição. Pelo caminho ficaram os pares compostos por Mafalda Almeida e Lena Couto — 6-3 e 6-3 frente a Jade Psonka e Tiantsoa Sarah Rakotomanga Rajaonah –, Inês Rodrigues Raquel Rodrigues — 6-1 e 6-0 frente a Isabelle Lacy Andra Sutherland — e Analu Freitas e Maria Garcia (4-6, 6-1 e 10-8 frente a Eva Álvarez Sandé e Andrea Palazon).


Total
6
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
6
Share