Francisco Cabral regressa aos singulares com uma vitória no Loulé Open

LOULÉ — Quase um mês depois de ter disputado pela última vez um encontro de singulares, Francisco Cabral (número 911 do ranking ATP) respondeu de forma positiva ao wild card que lhe foi entregue pela organização e qualificou-se para a segunda ronda do quadro principal do Loulé Open, torneio internacional de 25.000 dólares.

O tenista portuense de 24 anos, que nas três semanas anteriores se destacou na variante de pares ao disputar três finais no ATP Challenger Tour com Nuno Borges (venceram a primeira, em Braga, e perderam as de Lisboa e Barcelona), derrotou o lucky loser luxemburguês Raphael Calzi (1836.º) por 7-5 e 6-4 em 1h45 para seguir para a segunda ronda.

Depois de um arranque em que acusou a falta de rodagem nesta variante ultimamente, Francisco Cabral conseguiu recuperar rapidamente dos dois breaks sofridos no início do encontro e num ápice colocou-se a vencer por 4-3, sendo que depois de salvar um ponto de break ao 5-5 conseguiu mais uma quebra de serviço logo a seguir para fechar o primeiro set. No segundo, mais relaxado, o vice-campeão nacional absoluto de 2015, 2016 e 2019 (e campeão em pares em 2016, 2019 e 2020) foi o primeiro a levar a melhor num jogo de serviço do adversário, mas perdeu o avanço e teve de reinsistir para consumar a vitória em duas partidas, feito que alcançou graças a um derradeiro jogo de resposta perfeito.

Apurado para a segunda ronda de singulares de um torneio ITF pela quinta vez em 2021, Francisco Cabral tentará, frente a Rinky Hijikata (468.º), fazer o que conseguiu em três dessas etapas — Vale do Lobo, Castelo Branco e Sintra —, ou seja, chegar aos quartos de final.

A vitória de Francisco Cabral foi a segunda de um tenista português no quadro principal de singulares do Loulé Open 2021 (a primeira foi assinada por Luís Faria na véspera, frente ao compatriota Tiago Cação) e a ele ainda se podem juntar Gonçalo Falcão, Miguel Gomes e Pedro Araújo.


Total
4
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
4
Share