Gonçalo Falcão fica perto da melhor vitória da carreira no Loulé Open

LOULÉ — Depois de duas vitórias na fase de qualificação, Gonçalo Falcão não andou longe do triunfo na primeira ronda do quadro principal de singulares do Loulé Open, mas o japonês Kaichi Uchida (369.º do ranking ATP) recuperou a tempo de derrotar o português (1383.º) por 4-6, 6-3 e 6-3.

Aos 33 anos, o tenista luso aproveitou uma fase menos boa do adversário nipónico — que em março conquistou o ITF de 25.000 dólares de Vale do Lobo — para lhe causar dificuldades e disputar até ao fim o desfecho do encontro, que lhe podia ter valido a primeira vitória de sempre frente a um tenista do top 400 mundial.

Apesar da derrota, Gonçalo Falcão conseguiu, em Loulé, disputar pela terceira vez este ano um quadro principal de singulares em torneios internacionais. Agora, foca-se na variante de pares, na qual defende o estatuto de quarto cabeça de série ao lado de Tomas Lipovsek Puches.


Total
12
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
12
Share