João Sousa com sorteio definido no regresso ao circuito Challenger

Depois da participação no Australian Open, espelhada em duas vitórias na fase de qualificação e a queda na primeira ronda do quadro principal, onde entrou como lucky loser, o número um português, João Sousa (140.º), vai voltar a centrar o foco no circuito secundário. É o sexto pré-designado do Challenger de Quimper e ficou este domingo a par do caminho a traçar em solo francês.

O jogador vimaranense mede forças na ronda inaugural com o italiano Franco Agamenone (189.º), que ocupa precisamente aquele que é o seu melhor registo na tabela mundial. Vai ser o primeiro embate entre ambos e, caso confirme o favoritismo que lhe é atribuído, João Sousa vai cruzar-se logo de seguida com aquele que vencer do confronto entre o egípcio Mohamed Safwat (217.º) e o gaulês Constant Lestienne (227.º).

Nas rondas mais avançadas, o jogador luso pode entrar em rota de colisão com o austríaco Dennis Novak, 118.º cotado e terceiro cabeça de série, e com o helvético Henri Laaksonen, 91.º e melhor cotado em ação. Na mesma metade do quadro, João Sousa conta ainda com o antigo top 10 Lucas Pouille, neste momento na bem mais modesta 160.º posição.

Não é, porém, o único português em ação em Quimper: também Francisco Cabral tem duelo marcado neste evento Challenger, mas na variante de pares. Defende o estatuto de quarto pré-designado juntamente com o parceiro espanhol Sergio Martos Gornes e enfrentam na ronda inaugural o duo da casa formado por Kyrian Jacquet e Tristan Lamasine.

O quadro e o possível percurso a traçar por João Sousa:


Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
2
Share