Francisco Cabral enfrenta estrelas francesas na estreia em torneios do Grand Slam de pares

RAQUETC EM PARISFrancisco Cabral está a viver uma época para mais tarde recordar e esta semana terá mais uma experiência inesquecível, desta vez com a estreia absoluta em torneios do Grand Slam, na variante de pares, ao lado de Holger Rune e perante dois jogadores “da casa” num duelo que promete animar e muito o complexo de Roland-Garros.

Número 73 do ranking mundial de pares (é o melhor tenista português da atualidade), o portuense de 25 anos vai ter pela frente os franceses Richard Gasquet e Jo-Wilfried Tsonga, que vai terminar a carreira no torneio do Grand Slam parisiense.

O encontro ainda não está agendado, mas é provável que aconteça num dos courts mais carismáticos do Stade Roland-Garros, onde o público francês preenche, sem exceção, todas as bancadas dos campos em que os seus representantes atuam.

Para além de Francisco Cabral, também João Sousa (que com ele chegou às meias-finais do ATP 250 de Genebra na última semana) irá a jogo nesta variante. O vimaranense atua em pares ao lado de Nikoloz Basilashvili (que superou na última semana em singulares) e terá pela frente o sérvio Miomir Kecmanovic e o norte-americano Nicholas Monroe.

Pares-masculinos-Roland-Garros-2022


Total
8
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
8
Share