Matilde Jorge eliminada na ronda de abertura do Cantanhede Ladies Open

Rui Costa Freire

Matilde Jorge (682.ª) foi a primeira a ir a jogo no quadro principal do Cantanhede Ladies Open mas o desfecho não foi o mais desejado para as cores nacionais. A número dois portuguesa não aproveitou provas suficientes para fazer jus ao favoritismo e foi eliminada no teste de estreia do torneio que distribui 25.000 dólares em prémios monetários.

Desde logo a enfrentar a desvantagem ao ser quebrada por Iveta Dapkute (1090.ª) no primeiro jogo de serviço, a vimaranense procurou ir atrás do prejuízo mas um novo break ditou o primeiro desaire. A jogadora lituana transportou o ritmo superior para o segundo parcial e sem grandes demoras voltou a consolidar o domínio para ao fim de pouco mais de hora e meia assinalar a vitória por 6-4 e 6-3.

Momentos mais tarde, Matilde Jorge regressou à ação para o compromisso de pares e iniciou da melhor maneira a campanha ao lado da irmã Francisca Jorge, com quem somou dois títulos e uma final nos últimos três percursos enquanto duo. A parelha minhota rapidamente assumiu a condição de terceira pré-designada para com os parciais de 6-1 e 6-3 anotarem o êxito frente a Ana Filipa Santos e Kathleen Kanev.

Com a eliminação de Matilde Jorge, a representação portuguesa no quadro de singulares em Cantanhede passa a ficar a cargo de Francisca Jorge, Ana Filipa Santos, Sara Lança e Abril Neto, que compõem a programação da jornada desta quarta-feira.


Total
6
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
6
Share