Francisca Jorge apurada para os quartos de final do Porto Open com reviravolta

Francisca Jorge (377.ª) não se cansa de vencer e depois de no fim de semana passado ter somado a maior conquista da carreira ao imperar em Cantanhede, transportou o bom momento para o Complexo Desportivo do Monte Aventino e elevou a representação lusa à presença nos ‘quartos’. Matilde Jorge e Ana Filipa Santos não seguiram o mesmo rumo e encerraram esta quinta-feira a campanha no evento portuense.

Sétima maior favorita a conquistar o terceiro evento da temporada do Porto Open, a número um nacional reagiu a tempo de evitar a despedida e perante a turca Ayla Aksu (598.ª) procedeu à reviravolta para virar o rumo dos acontecimentos a seu favor e ao fim de pouco mais de duas horas afirmar-se por 2-6, 6-2 e 6-3. Vai dividir o court em busca do acesso às terceiras meias-finais da temporada com a georgiana Mariam Bolkvadze (185.ª), responsável pelo afastamento de Matilde Jorge (6-1 e 6-4).

Ana Filipa Santos foi a outra jogadora portuguesa e até a primeira a entrar em ação: a natural de Santiago do Cacém exibiu-se a bom nível perante a germânica Kathleen Kanev (641.ª) e ao fim de uma hora e meia de duração concluiu o percurso ao perder por 7-5 e 6-1.


Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
2
Share