Bautista-Agut coroa-se campeão de Kitzbuhel frente a nova esperança da casa

O ATP 250 de Kitzbuhel esteve à beira de voltar a entregar o título a um jogador da casa três anos após a vitória de Dominic Thiem, mas Roberto Bautista-Agut (20.º) veio estragar os planos da organização e despedaçar os corações do público austríaco: o espanhol ligou o modo de rolo de compressor no encontro mais importante da semana para tirar as esperanças da revelação Filip Misolic (205.º) e somar o 11.º troféu da carreira.

Sem demonstrar grandes fragilidades, o natural de Valência puxou para o seu lado o domínio do primeiro ao último ponto. O parcial de abertura resolveu-se com duas quebras consolidadas após alguns perigos evitados e o segundo set desenvolveu um rumo semelhante, já que com dois outros breaks Bautista-Agut conseguiu agarrar a vitória à segunda oportunidade.

O segundo título da temporada (após o de Doha, em fevereiro) arrecadado por Roberto Bautista-Agut dilata o seu registo de conquistas para 11 no ATP Tour e resulta na segunda vitória da carreira celebrada sobre terra batida, oito anos depois de o ter feito na de Estugarda. Quanto a Filip Misolic, que ficou a um passo de encerrar a campanha de estreia em quadros principais de nível ATP de forma perfeita, vai fixar um novo recorde no ranking – a 136.ª posição.


Total
32
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
32
Share