Pedro Sousa travado na estreia em Liberec frente a ex-top 80 mundial

Sara Falcão/FPT

Um dia depois de Nuno Borges (106.º) ter contornado com distinção a primeira tarefa da semana em solo checo, Pedro Sousa (437.º) foi incapaz de seguir o mesmo trilho e deu por fim a campanha no Challenger 80 de Liberec. O português de 34 anos exibiu-se a bom nível diante do terceiro favorito Norbert Gombos (119.º) mas o triunfo acabou por lhe escapar – despediu-se do quadro com um desaire por 6-4, 2-6 e 6-4, conhecido ao fim de pouco mais de hora e meia.

O lisboeta não teve armas suficientes para responder a um primeiro break sofrido no set de abertura, mas entrou para o segundo parcial com o foco no restabelecimento da igualdade e consegui-o ao assinar duas quebras consecutivas que o conduziram à vitória ao terceiro set point. Mas não teve ritmo necessário para prolongar o nível para a derradeira fase do encontro e um break conseguido foi insuficiente para contrastar com três para o lado do eslovaco.

Pedro Sousa enfrenta uma semana sem competição antes de regressar ao circuito secundário em Santo Domingo, na República Dominicana, que se traduz na última etapa de preparação para a fase de qualificação do US Open. Quanto a Nuno Borges, que carrega a partir de agora exclusivamente as cores lusas em Liberec, vai ter como próximo obstáculo o húngaro Fabian Marozsan (251.º).


Total
28
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
28
Share