Federer termina a carreira com derrota ao lado de Nadal na Laver Cup

O dia chegou. E chegou com festa, apesar do resultado final: Roger Federer terminou, esta sexta-feira, a carreira de tenista profissional após 24 anos ao mais alto nível.

O cenário foi o melhor possível dentro do enquadramento do suíço, que aos 41 anos não resistiu à lesão no joelho que o manteve afastado do circuito nos últimos 14 meses: em plena Laver Cup — um torneio que ajudou a criar — e ao lado de Rafael Nadal, o arquirrival-tornado-amigo com quem foi a jogo na variante de pares.

O resultado (uma derrota por 4-6, 7-6[2] e 11-9 para os norte-americanos Jack Sock e Frances Tiafoe num encontro em que as duas “lendas vivas” criaram o primeiro match point) acabou por ser o menos importante numa noite triste, sim, mas acima de tudo celebração — e que terminou com um discurso muito emocionado de Roger Federer.

Total
54
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Total
54
Share