Ons Jabeur vitoriosa em clima de festa na estreia do circuito WTA na Tunísia

Monastir é um dos destinos mais populares do calendário tenístico para os jogadores que dão os primeiros passos nos circuitos internacionais, mas esta semana destaca-se por razões bem distintas: a cidade é palco do primeiro WTA da história a acontecer na Tunísia e a cabeça de cartaz, Ons Jabeur, inaugurou a ocasião com uma vitória recheada de celebrações.

No primeiro encontro oficial desde a derrota na final do US Open (a segunda consecutiva em torneios do Grand Slam), a estrela da casa só precisou de 64 minutos para afastar a norte-americana Ann Li (63.ª classificada no ranking mundial) em duas partidas, com os parciais de 6-2 e 6-3.

A viver a melhor temporada da carreira, Jabeur celebrou, perante o seu público, o 45.º triunfo de um ano que a viu chegar à segunda posição da hierarquia. E marcou encontro com a russa Evgenya Rodina, que depois de uma longa ausência para se dedicar à maternidade está de volta ao circuito.

O Jasmin Open pertence à categoria WTA 250 e acontece no Skanes Family Hotel, em Monastir. O torneio ocupa, em 2022, uma das vagas deixadas pelos vários torneios inicialmente previstos para solo chinês que foram cancelados devido à polémica em torno de Peng Shuai. Acontece em simultâneo com um ITF de 15.000 dólares na mesma cidade e é precedido de um ITF de 60.000 dólares no mesmo local, ou não fosse Monastir a cidade que atualmente acolhe mais torneios do circuito ITF (masculinos e femininos).

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Total
0
Share