Campeão em título derrotado na estreia do Maia Open

Sara Falcão/FPT

MAIA – Geoffrey Blancaneaux (135.º ATP) não conseguiu dar seguimento ao título conquistado no Maia Open há um ano, após sair derrotado no duelo com Nerman Fatic (239.º) por 6-1 e 6-4 na primeira ronda da presente edição.

Quarto cabeça de série, Blancaneaux só no segundo set foi capaz de ameaçar o adversário bósnio e desperdiçou duas vezes break de vantagem, cometendo imensos erros com a pancada de direita e nas imediações da rede.

O francês de 24 anos despede-se de uma temporada onde chegou a ser 134.º, chegou várias vezes a rondas decisivas em torneios do ATP Challenger Tour e onde furou o qualifying de Roland-Garros.

Com a eliminação de Geoffrey Blancaneaux, Pedro Sousa passa a ser o único antigo campeão ainda em prova no Maia Open.

Quanto a Fatic – que venceu o primeiro troféu Challenger da carreira, em Setembro, na Roménia – vai encarar na segunda eliminatória o vencedor do duelo desta quarta-feira entre Vitaliy Sachko e Jan Choinski.

Nesta terça-feira destaque ainda para os triunfos de Riccardo Bonadio (oitavo pré-designado que derrotou o espanhol Nicolas Alvarez Varona por 6-4, 2-6 e 7-6(7), anulando três match points no tie-break), Ivan Gakhov (bateu Luciano Darderi, sétimo favorito, por 6-3 e 6-4), Alexandar Lazarov (qualifier búlgaro, carrasco de Henrique Rocha, passou por Alessandro Giannessi com os parciais de 6-3 e 6-4), Evgeny Karlovskiy (no duelo de tenistas oriundos da fase de qualificação atropelou Gauthier Onclin por 6-2 e 6-0) e Timofey Skatov. Já depois das 21h, o cazaque deu a volta ao romeno Nicholas David Ionel e venceu por 3-6, 7-6(3), e 7-5 após 3h19 de encontro.

Total
28
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Total
28
Share