Nuno Borges após regresso feliz: “O meu objetivo é ganhar o Maia Open”

MAIANuno Borges regressou a casa com uma vitória autoritária e após superar a primeira ronda do Maia Open não escondeu que o objetivo é conquistar o troféu de campeão, um feito que pelo meio também lhe permitiria assegurar a entrada direta no quadro principal do Australian Open.

“O meu objetivo é ganhar o Maia Open, afirmou na conferência de imprensa que se seguiu à autoritária vitória por 6-3 e 6-0 contra o uzbeque Denis Istomin na eliminatória inaugural.

“É o meu torneio preferido e deixo-o para o fim”, contou entre risos, acrescentando que “sinto-me muito sortudo por poder jogar aqui todos os anos, é uma oportunidade única e jogaria o Maia Open em qualquer outra semana do calendário.”

Por ser tão especial, Nuno Borges também admitiu que regressou ao court central que tão bem conhece algo nervoso, mas uma hora depois saiu satisfeito com a performance: “Entrei nervoso, mas depois foi um encontro bastante tranquilo. Ele acabou por se render animicamente, eu percebi e isso ajudou a que pudesse deixar o encontro acontecer da melhor maneira. O grande objetivo era ganhar e regressar com boas sensações, mas não ir desgastado para a próxima ronda também é importante.”

Sobre o outro objetivo que persegue esta semana (a entrada direta no quadro principal do Australian Open), por ser a última antes do fecho da lista de inscrições, o maiato de 25 anos não se mostrou demasiado preocupado: “É claro que há sempre uma certa pressão, mas estou convencido de que independentemente de como corra tenho boas hipóteses. Mas é claro que um bom resultado aqui ajuda a amortizar os pontos que vou perder do ano passado”.

Total
12
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Total
12
Share