Gonçalo Oliveira afastado na estreia em Santiago

Beatriz Ruivo/Del Monte Lisboa Belém Open

O português Gonçalo Oliveira não teve a melhor das estreias no segundo Challenger consecutivo que joga em Santiago, no Chile. Na terceira prova realizada este ano na cidade chilena, o tenista luso foi derrotado esta segunda-feira na ronda inaugural pelo argentino Juan Pablo Ficovich (259.º ATP) por 6-3 e 6-1.

O tenista natural do Porto não teve um encontro fácil e no primeiro set salvou break points em quase todos os jogos que venceu. Na segunda partida, Gonçalo Oliveira não foi capaz de confirmar qualquer jogo de serviço e foi com um break — o único no encontro — que conseguiu evitar o “pneu”. Ainda assim, o portuense cedeu ao fim de uma hora e 25 minutos num embate que esteve sempre controlado por Ficovich.

Arredado da variante de singulares, Gonçalo Oliveira vai tentar replicar o sucesso da semana passada no quadro de pares, onde atingiu as meias-finais. O português volta a fazer dupla com o venezuelano Luís David Martínez e ambos defendem o estatuto de segundos cabeças de série. A estreia no quadro é frente ao brasileiro Matheus Pucinelli de Almeida e o argentino Thiago Tirante.


Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
2
Share