Garcia marca duelo com Bogdan na final em Varsóvia

Um mes depois de ter alcançado a décima primeira final da carreira no WTA Tour, Caroline Garcia (45.ª) vai voltar a marcar presença no encontro de atribuição do título de campeã. A francesa, que na ronda transata tinha ditado o único desaire de Iga Swiatek em terra batida nesta temporada, voltou a sorrir para marcar embate com a romena Ana Bogdan (108.ª) na final do WTA 250 de Varsóvia.

Longe de ver o domínio ameaçado pela italiana Jasmine Paolini (58.ª), Garcia não perdeu tempo para fazer jus ao estatuto de quinta pré-designada da semana e tanto no primeiro como no segundo parcial mostrou-se intransponível. Com quatro breaks aplicados, a jogadora mais credenciada celebrou a vitória ao fim de 65 minutos, mas apenas ao quinto match point, por 6-1 e 6-2.

Horas antes, também Bogdan já se tinha evidenciado no outro duelo das meias-finais da prova polaca. Com o regresso ao top 80 assegurado, a latina resistiu a dois duros sets para travar o sonho à lucky loser Katerina Baindl (190.ª) e colocar-lhe o fim de linha em Varsóvia: ao fim de mais de duas horas, a mais cotada liderou pelos balanceados 7-5 e 7-5.

Caroline Garcia e Ana Bogdan voltam a medir forças mais de cinco anos depois de a primeira ter vencido o único anterior embate entre ambas, na segunda ronda de Wimbledon. Enquanto a primeira está a um teste de adicionar o nono título do palmarés, a segunda está à beira de entrar para o lote de campeãs estreantes em 2022.


Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
2
Share