Com reviravolta, Swiatek junta-se a Jabeur em final de luxo no US Open

Iga Swiatek esteve em apuros em mais do que uma ocasião, mas conseguiu dar a volta a Aryna Sabalenka e juntou-se a Ons Jabeur na final do US Open. Sábado, na Big Apple, estarão frente a frente a primeira mulher tunisina, africana e árabe a chegar à final e a primeira mulher polaca a chegar à final.

Longe da forma que a dada altura desta época lhe permitiu registar 37 vitórias consecutivas, mas ainda com a aura de número um que tanto fez por merecer ao conquistar seis títulos, Swiatek recuperou de um set abaixo e mais tarde de 2-4 na derradeira partida e venceu a bielorrussa — a maior surpresa destas meias-finais — por 3-6, 6-1 e 6-4 após 2h11.

Campeã de Roland-Garros em 2020 e 2022, Iga Swiatek tornou-se na primeira mulher polaca da história a inscrever o nome na decisão do US Open, que será a terceira final da carreira em torneios do Grand Slam.

Do outro lado da rede estará Ons Jabeur, que não perdoou a autodestruição de Caroline Garcia e arrasou a francesa na primeira meia-final do dia em Nova Iorque.

Swiatek e Jabeur são as duas jogadoras com mais vitórias esta época e o frente a frente regista duas vitórias para cada lado, ou uma para cada se considerados apenas os duelos em hard courts. Este ano, Swiatek venceu o único encontro que discutiram — na final do WTA 1000 de Roma, por claríssimos 6-2 e 6-2.

A final de sábado está marcada para as 16 horas em Nova Iorque, 21 horas em Portugal Continental.


Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
2
Share