Com regresso à liderança à espreita, Nadal esclarece: “Não luto para ser número um”

Rafael Nadal está de regresso à competição dois meses após a eliminação nos ‘oitavos’ do US Open e tem na mira conquistar um troféu que insiste em escapar ao seu palmarés: o do ATP Masters 1000 de Paris. O maiorquino de 36 anos, que tem sérias hipóteses de recuperar o estatuto de líder do ranking mundial já esta semana, confessa que essa já não é uma das suas principais metas nesta etapa da carreira.

“Sinto-me orgulhoso de tudo o que conquistei e com o que ainda poderei alcançar em 2022. Para que fique claro, não luto para ser o número um. Apenas luto para ser competitivo em todos os torneios que jogue. Já lutei para ser número um no passado, alcancei esse objetivo várias vezes ao longo da carreira, mas agora isso já não me interessa”, esclareceu na chegada a Paris, onde enfrenta Tommy Paul na ronda de estreia, já esta quarta-feira.

Para ‘El Toro’, atual número dois mundial, o seu principal foco é manter-se afastado das lesões para se conseguir apresentar sempre ao melhor nível: “Joguei talvez uns dez torneios e só consegui terminar oito. É difícil ser-se número um do Mundo assim, mas sinto-me feliz por estar na posição que estou, porque demonstra que estive bem quando joguei”

Vendo em Paris-Bercy um dos dois torneios Masters 1000 que nunca conquistou (o outro é Miami), Nadal encara a experiência com bons olhos: “Vamos ver como o corpo se comporta a nível competitivo. Com mais idade e estando algum tempo longe da competição, é difícil saber como vai correr. Foi um ano incrível até aqui mas a nível de lesões foi duro. Estou animado e vou dar o meu melhor, ao tentar ser competitivo.”

Tendo celebrado o nascimento do seu primeiro filho há três semanas, Rafael Nadal confessa que torna-se mais doloroso sair de Manacor: “Agora é sempre difícil sair de casa. Ele só tem três semanas e já sinto imensas saudades dele. É uma experiência nova e todas as mudanças são complicadas na vida, ao ser necessário uma adaptação. Posso fazer vídeo-chamada para o ver sempre que quiser e isso ajuda muito.”

Total
2
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Total
2
Share