Croácia congela anfitriã Espanha e segue para as meias-finais da Taça Davis

Manuel Queimadelos / Quality Sport Images / Kosmos Tennis

Sem Carlos Alcaraz, lesionado, e Rafael Nadal, que optou por uma exibição milionária do outro lado do Oceano Atlântico, a Espanha não conseguiu resistir à Croácia, que carimbou o apuramento para as meias-finais das Davis Cup Finals em Málaga.

Vencedora da última edição no formato tradicional, em 2018, e vice-campeã há um ano, a equipa dos Balcãs resolveu a eliminatória nos dois encontros de singulares. Borna Coric e Marin Cilic foram os responsáveis pelo afastamento de uma equipa da casa enfraquecida, mas que ainda assim chamou às bancadas do Palacio de Deportes José María Martín Carpena quase 10.000 espetadores.

O primeiro triunfo foi assinado por Coric (26.º classificado no ranking ATP), que superou Roberto Bautista Agut (21.º) por 6-4 e 7-6(4).

Mas o segundo foi muito mais elaborado, com Cilic (17.º) a precisar de 3h13 para sair por cima de uma enorme e dramática batalha frente a Pablo Carreño Busta (13.º) para confirmar o apuramento da Croácia para as meias-finais.

Os parciais de 5-7, 6-3 e 7-6(5) só foram garantidos depois de muito sofrimento, com o croata, ex-campeão do US Open e finalista do Australian Open e de Wimbledon, a ser obrigado a recuperar de uma desvantagem de 4-1 no tie-break de uma terceira partida que chegou a liderar com um break de avanço… Em duas ocasiões.

Com um ambiente escaldante em Málaga, o público conseguiu atrapalhar a tarefa de Cilic, que acusou a pressão no momento em que foi chamado a confirmar o triunfo croata. Entre nervos, um total de 15 duplas faltas (!) e ténis espetacular de parte a parte que culminou num terceiro parcial frenético, o ascendente acabou por passar para o lado de Carreño Busta, que a dada altura pareceu bem encaminhado para uma vitória memorável. No entanto, a experiência do croata permitiu-lhe agarrar-se ao encontro quando o resultado já não o fazia crer e tudo mudou numa reta final que despedaçou os corações do público da casa.

A vitória desta quarta-feira colocou a Croácia mais perto de uma terceira final nas últimas quatro edições. Para já, o conjunto tem encontro marcado com a Austrália na primeira meia-final, agendada para sexta-feira. Antes, na quinta-feira, ficarão definidos os restantes semifinalistas: será entre Itália vs. EUA e Alemanha vs. Canadá.

Total
12
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Total
12
Share