Novak Djokovic anuncia desistência do Masters 1000 de Montreal

Novak Djokovic mantém ainda viva a esperança de participar no US Open mas a falta de vacinação não joga a seu favor e o sérvio anunciou esta quinta-feira a desistência forçada do Masters 1000 de Montreal, cujo quadro principal se disputa já a partir do próximo domingo. O número seis mundial vê barrada a entrada no Canadá enquanto não estiver vacinado contra a covid-19 e o cenário mais provável aponta desfecho semelhante às chances de cruzar as fronteiras norte-americanas.

Contrariamente ao sucedido no Masters 1000 de Indian Wells no passado mês de março, em que Djokovic manteve o seu nome na lista de inscritos e só após o sorteio acabou por desistir, desta feita o jogador de Belgrado encerrou o capítulo de forma mais prematura e juntou-se a Alexander Zverev no lote de ausentes da prova que venceu por quatro ocasiões.

Com oito dos jogadores do top 10 presentes na lista de inscritos do sexto evento ATP Masters 1000 da temporada, Novak Djokovic passa a ambicionar o regresso em Cincinnati, onde faria as últimas afinações antes da chegada ao US Open. Mas o governo norte-americano promete ser inflexível no que toca às medidas de controlo da pandemia e o ex-número um mundial pode voltar a ver negada a participação num torneio do Grand Slam após o imbróglio no Australian Open no início deste ano.


Total
16
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Total
16
Share